Blitz Amazônico
CulturaSaúde

Policlínica Codajás realiza cerca de 300 procedimentos extras para mulheres e população LGBTQIa+

Atividades finalizaram a campanha Outubro Rosa, que ofertou atendimento especializado para detecção de câncer de mama e útero

A Policlínica Codajás, unidade da Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM), nesta quinta-feira (27/10), finalizou a campanha Outubro Rosa, que anualmente promove a conscientização sobre a detecção de câncer de colo de útero e de mama, com 300 procedimentos no setor de ginecologia da unidade de saúde.
Entre as ações realizadas nos dias 7, 20, 26 e 27 de outubro, o público usuário do Serviço Único de Saúde (SUS) receberam atendimento com uma equipe multidisciplinar, formada por ginecologistas, enfermeiras, técnicos em enfermagem, serviço social e auxiliares administrativos.
Nos quatro dias de campanha, foram atendidas mulheres, homens trans e pessoas não binárias, com a realização de palestras educativas sobre a saúde da mulher, exames preventivos, consultas, testes rápidos de HIV, sífilis, hepatite B e C e encaminhamento para os demais exames.
O diretor da Policlínica Codajás, o médico Swammy Mitozo, explica que esta é a segunda ação do ano, uma realização positiva do Governo do Amazonas em parceria com a Prefeitura de Manaus.
“Demos todo suporte profissional, de espaço e insumos para que todas fossem atendidas da melhor forma possível. Sabemos o quanto é importante a saúde da mulher como um todo. E cuidar delas é cuidar de toda a família”, destacou.
Encerramento da campanha
Nesta quinta-feira (27/10), último dia de atendimento, o público usuário do SUS foi recebido com lanches, sorteio de brindes, vitaminas para mulher, hidratantes, bolsas para absorventes e preservativos.
A gestora em marketing, Sanderley dos Santos, 42, conta que desde 2019, antes da pandemia da Covid-19, não realizava o exame preventivo. O exame detecta alterações nas células do colo do útero.
“Soube por meio de familiares sobre a ação e decidi vir, hoje, atualizar meu exame e pôr em dia minha saúde preventiva. Fiquei muito feliz com o atendimento e estou confiante no resultado saudável do exame”, declarou.
De acordo com a coordenadora do setor de ginecologia, Sandra Neves, o ato simbólico não representa o fim da campanha, mas o começo, já que muitas mulheres foram bem atendidas e saíram motivadas.
“Elas têm todo nosso amor, carinho e profissionalismo, então não podemos dizer que é o final e sim o começo de tudo, onde elas veem a importância do autocuidado com a saúde e, assim, possam chamar outras mulheres, para se cuidarem também”, finalizou.
Setor de Ginecologia

A Policlínica Codajás, situada na avenida Codajás, nº 26, bairro Cachoeirinha, zona sul da capital, tem o setor de ginecologia, que atende pacientes mulheres com consultas em ginecologia durante todo o ano. As pacientes são encaminhadas via Sistema de Regulação.
SONORA: Sandra Neves – coordenadora do setor de Ginecologia da Policlínica Codajás
FOTOS: Islânia Lima / Policlínica Codajás

Post Relacionado

Liceu de Artes e Ofício Claudio Santoro de Parintins abre inscrições para matrículas de novos alunos 

EDI FARIAS

Covid-19: Saúde reforça para prevenção contra a doença durante período de maior circulação de vírus respiratórios no Amazonas

EDI FARIAS

Terceira onda provocada pela Ômicron está terminando, diz Fiocruz

Shayenne