Blitz Amazônico
BrasilBrasilPolíciaPolícia

Jovem diz que matou primo e três crianças por barulho e por ter perdido o emprego

O suspeito era padrasto das três crianças que também foram esfaqueadas.

O jovem de 25 anos preso pela morte do primo e três crianças em Santa Luzia, na região metropolitana de Belo Horizonte, confessou o crime e disse que foi motivado pela raiva contra o parente e pelo barulho causado pelos meninos com idades entre 7 e 11 anos.

 

“Ele acabou com aminha vida e me fez perder o perder o emprego. Eu já tinha muito tempo de empresa”, disse Gustavo Borges, de 25 anos, antes de ser preso. O jovem se referia ao primo, Ronaldo dos Santos, de 39 anos.

 

Santos era padrasto das três crianças que também foram esfaqueadas. São elas: André Filipe, de 7 anos; Victor Daniel, de 9 anos; e Victoria Danielle, de 11 anos.

As vítimas estavam na casa da família, que fica no primeiro andar de um sobrado no bairro Vila Olga. O autor confesso mora no andar de cima. “As crianças faziam muito barulho. Eu tava ficando surdo”, disse o preso à reportagem.

 

De acordo com a PM (Polícia Militar), Gustavo Borges invadiu o imóvel no início da madrugada deste domingo. A família dormia no momento. A mãe das crianças estava no trabalho e encontrou os corpos ao chegar em casa.

 

O major André deSouza, da PM, explica que, após o crime, o assassino colocou as facas e roupas usadas no ataque e os celulares das vítimas no telhado de um imóvel vizinho. Ele voltou para casa horas depois.

 

“Ele [o autor] disse que não tem problemas psicológicos, que não faz uso dedrogas e que é uma pessoal normal. A gente estranha a frieza”,avaliou o militar.Gustavo Borges foi preso em flagrante. 

 

A Polícia Civil disse que segue com a investigação para “completa elucidação dos fatos”. Os corpos das vítimas foram levados para o IML (Instituto Médico Legal) e devem ser velados na tarde desta segunda-feira (31).

Com informações Record TV Minas 

Post Relacionado

Turismo de parto traz russas ao Brasil em busca de cidadania para filhos

Shayenne

Aluno suspenso por causa de melancia em escola da zona leste de SP viraliza na internet

Shayenne

Jovens acabam baleadas após afirmarem estar sem celular para assaltantes em Manaus

VICTORIA LOUZADA