Blitz Amazônico
CidadaniaCidadaniaPrefeitura de Manaus

Defesa Civil Municipal recebe alunos de escola pública e fala sobre prevenção em áreas de risco de Manaus

A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Segurança Pública e Defesa Social (Semseg), deu continuidade, na manhã desta quinta-feira, 13/10, à programação da Semana Municipal de Redução de Desastres Naturais, Tecnológicos ou Humanos, com uma palestra para alunos da rede pública de ensino.


A atividade aconteceu no auditório da Casa Militar, localizado na rua Padre Agostinho Caballero, no bairro Compensa, zona Oeste.
Por meio do projeto Defesa Civil na Escola, instrutores e monitores da Defesa Civil, do Núcleo de Educação em Urgência (Neur), e do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), realizaram palestras e dinâmicas com crianças entre 9 e 10 anos da escola municipal Maria Madalena Corrêa, no bairro Vila da Prata, zona Oeste, participaram de rodas de conversas e interações, além de compartilharem experiências de risco.
“Hoje, quinta-feira, tivemos a presença do projeto Defesa Civil na Escola. Convidamos uma escola municipal para participar, juntamente com o Samu, de uma palestra de prevenção e conscientização do risco doméstico, em que as crianças puderam trabalhar essa forma de prevenção, sabendo o que é possível acontecer em relação ao risco, mas, principalmente, sabendo o que fazer em casos de emergências”, informa o secretário-executivo da Defesa Civil Municipal, Fernando Júnior.
Ariomar Nobre, do Núcleo de Proteção da Defesa Civil (Nupdec), explica quais escolas são atendidas pelo projeto e porque são priorizadas as áreas de risco.
“O projeto Defesa Civil na Escola, que existe desde 2010, está desenvolvendo uma atividade durante a Semana Municipal de Redução de Desastres Naturais, Tecnológicos ou Humanos. Ele é desenvolvido nas escolas próximas a áreas de risco nos bairros de Manaus. Então, nós chegamos nessas escolas levando capacitação de saúde, primeiros socorros, meio ambiente e defesa civil. Hoje, recebemos uma escola que, apesar de estar em uma área pavimentada, é próxima a uma área que alaga. Nós levamos para a criança a percepção de risco, uma tarefa do sistema de Defesa Civil”.

Ao todo, 27 estudantes participaram da programação e utilizaram bonecos para simular primeiros socorros e reanimação cardiopulmonar. Elen Assunção, coordenadora-geral do Samu, destaca quais instruções foram passadas aos alunos, e como isso auxiliará eles em possíveis situações de risco.
“A gente fez orientação sobre primeiros socorros, os casos de parada cardiorrespiratória, acidentes domésticos e engasgos. Qualquer coisa que eles pudessem fazer antes da chegada do socorro. Enfatizamos o telefone, que é o 192, para evitar trotes. Foram aulas teóricas e práticas, com simulação de atendimentos e ressuscitação de bonecos”, conta.
O encerramento da programação oficial acontecerá na manhã da próxima sexta-feira, 14/10, no auditório da Casa Militar, com certificação para as instituições amigas da Defesa Civil.

Post Relacionado

Abrigo de ônibus é implantado pela Prefeitura de Manaus na avenida Torquato Tapajós

Victória Farias

Prefeito David Almeida assina nomeação de mais de 400 professores para a rede municipal de ensino

Redação

No bairro Cidade Nova, PMAM prende dois homens por tráfico de drogas

Patrick