Blitz Amazônico
AmazonasCidadaniaCidadania

Defensoria divulga resultado preliminar do 4º Concurso para servidores

A Defensoria Pública do Estado do Amazonas (DPE-AM) divulgou nesta segunda-feira (3) o resultado preliminar das provas objetivas e discursivas (estudo de caso) do 4º concurso público para servidores auxiliares da instituição. As provas foram realizadas em julho deste ano.


A lista completa com os nomes dos candidatos habilitados por município de atuação pode ser consultada no Diário Oficial Eletrônico da DPE-AM desta segunda-feira (3), que consta na página institucional da Defensoria (www.defensoria.am.def.br) e no site da Fundação Carlos Chagas (www.concursosfcc.com.br).

O concurso prevê o preenchimento de vagas em cinco municípios da Região Metropolitana de Manaus: Autazes, Careiro Castanho, Careiro da Várzea, Manaquiri e Presidente Figueiredo. Os cargos são para os níveis Superior e Médio.
Para analista jurídico (Ensino Superior), a remuneração inicial é de R$ 6.883,29. Já para assistente técnico (Ensino Médio), a remuneração inicial é de R$ 4.051,91. Serão seis vagas, para os mesmos municípios citados.

A Defensoria informa ainda que foram analisados os recursos interpostos, quanto à aplicação das provas, divulgação das questões e dos gabaritos preliminares e que as respectivas respostas estarão disponíveis no site www.concursosfcc.com.br.
Além disso, os resultados de todos os candidatos que realizaram as provas também poderão ser verificados, por meio de acesso pessoal no site da banca do certame.

Os recursos referentes aos resultados das provas podem ser interpostos no prazo de dois dias úteis após a publicação deste edital, exclusivamente por meio do site www.concursosfcc.com.br.

“Com mais esse concurso, a Defensoria dá mostras, mais uma vez, que estamos comprometidos com os avanços no interior do Amazonas”, disse o defensor público geral, Ricardo Paiva.

Fotos: Evandro Seixas/ DPE-AM

Post Relacionado

CMA vota projeto que pune piercings e tatuagens em cães e gatos

Redator

Brasil abre mercado e espera atrair R$ 15 bilhões em investimentos com Lítio, mineral estratégico

Shayenne

Jiu-jítsu perde a arte de mestre Osvaldo Alves

Redação