Blitz Amazônico
Educação

Cemeam da rede estadual de ensino inspira criação de Centro de Mídias no Pará

Representantes da Secretaria de Estado de Educação do Pará (Seduc-PA) fizeram uma visita ao Centro de Mídias de Educação do Amazonas (Cemeam), da rede estadual de ensino, nesta sexta-feira (05/07), com o intuito de conhecer e compreender o funcionamento do centro, para a implementação de um espaço semelhante no Pará.

Na ocasião, a diretora do Cemeam, Sabrina Araújo, se reuniu com o professor Rafael Herdy, responsável pela implantação dos Centros de Inovação e Sustentabilidade da Educação Básica (Ciseb), da Seduc-PA. O objetivo do encontro foi reunir informações e sanar dúvidas sobre a estrutura e funcionamento do Cemeam, que servirá de inspiração para a construção de um Centro de Mídias no estado vizinho.

Segundo Rafael Herdy, a parceria é essencial para que, futuramente, os centros possam contribuir uns com os outros na transmissão de conteúdos e na chegada da educação para cada vez mais alunos.

“A gente veio conhecer o Centro de Mídias aqui em Manaus, para entender o funcionamento e essa expertise, que é pioneira no Brasil, e levar um pouco dessa experiência para o Pará. Nós estamos construindo nosso Centro de Mídias, com uma previsão de ser inaugurado no próximo ano. Queremos conhecer e nos inspirar”, afirmou o professor.

De acordo com a diretora do Cemeam, receber outras secretarias de educação e diferentes instituições do país no Cemeam é sempre uma honra.

“É sempre uma honra poder receber outras secretarias de educação, assim como outras instituições, para conhecer um pouco da nossa rotina, mas também da nossa história enquanto pioneiros no ensino com mediação tecnológica para essas localidades, onde a gente sabe que a educação precisa chegar”, declarou Sabrina Araújo.

História

Referência nacional e internacional, o Cemeam é um projeto do Governo do Estado do Amazonas, implantado em 2007, que promove ensino presencial mediado por tecnologias para o Ensino Fundamental 2, Ensino Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

As aulas são produzidas por professores especialistas e transformadas em peças televisivas em uma central de produção educativa para TV. O conteúdo é transmitido ao vivo para todas as salas de aula da rede pública estadual. Alguns dos programas mais conhecidos são o “Aula em Casa” e o “Contraturno Digital”.

Ao longo dos anos de existência, mais de 350 mil alunos foram beneficiados pelo Centro de Mídias de Educação do Amazonas, que alcança 2 mil salas de aula em mais de 800 comunidades em todo o Amazonas.

Prêmios

Entre os prêmios já conquistadas pelo Cemeam durante toda sua história, estão: Prêmio WISE – Qatar Foundation (2009); Prêmio A Rede – A tecnologia na inclusão social (2009); Prêmio Learning & Performance Brasil (2013/14; 2016/17 e 2018/19); Prêmio International Quality Company (2018 e 2019); duas placas do YouTube Brasil aos canais do Aula em Casa (2021); homenagem na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam) (2022). 

FOTOS: Hitalo Kleto / Secretaria de Estado de Educação e Desporto Escolar

Post Relacionado

Enem: candidatos têm até esta sexta-feira para pedir isenção de taxa

EDI FARIAS

Alunos da rede estadual, da capital e interior, são destaque no concurso “Faça Bonito”

EDI FARIAS

Escola estadual em Itacoatiara está promovendo a campanha “Natal Solidário”

EDI FARIAS