Blitz Amazônico
CidadaniaCidadaniaPrefeitura de Manaus

Ageman notifica concessionária e cobra melhorias na infraestrutura no sistema do bairro Nova Cidade

A Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus (Ageman) notificou, nesta semana, a empresa Águas de Manaus, em decorrência da necessidade de promover melhorias nas unidades que compõem o sistema de esgotamento sanitário do conjunto Nova Cidade, na zona Norte de Manaus.


No levantamento realizado pela Ageman em 12 estações elevatórias de esgoto e também nas duas lagoas de estabilização, as equipes da Diretoria de Concessões, Obras e Saneamento da agência reguladora identificaram a ausência de gradeamento e bomba reserva, peças metálicas deterioradas, pintura desgastada, grande volume de vegetação, acúmulo de sujeira e itens de segurança danificados.

O diagnóstico reúne informações técnicas do sistema e um relatório fotográfico, o qual foi encaminhado para a concessionária Águas de Manaus, responsável pelos serviços de esgotamento sanitário da cidade.

Com a notificação, a empresa deverá apresentar em até dez dias um plano de trabalho contendo as melhorias para as unidades, incluindo o cronograma de atividades.
“Desde 2018, quando da criação da Ageman, nós acompanhamos o funcionamento do sistema. Identificamos que foram realizadas diversas melhorias, no entanto, algumas pendências ainda precisam ser sanadas e é justamente isso que estamos cobrando da empresa. São medidas que vão contribuir para um melhor funcionamento das estações e também para a segurança”, afirmou a diretora técnica da Concessões, Obras e Saneamento da Ageman, Suzy Tavares.
O sistema de esgotamento sanitário do Nova Cidade se encontra em plena atividade e é composto por 67,7 quilômetros de rede coletora de esgoto.

Post Relacionado

Prefeitura vistoria sanitização de ônibus em garagem de empresa

Victória Farias

Cantinho da Amamentação da Moura Tapajóz registra arrecadação recorde na segunda semana do Agosto Dourado

Victória Farias

Projeto que garante recursos para o Pronampe segue para a sanção

Redator