Blitz Amazônico
Prefeitura de Manaus

Prefeitura de Manaus promove curso de qualificação profissional para usuários de programas sociais

Prefeitura de Manaus, por meio das secretarias municipais da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc) e do Trabalho, Empreendedorismo e Inovação (Semtepi), iniciou, nesta segunda-feira, 1º/7, um curso de qualificação profissional de relações humanas e vendas, destinado a 40 bolsistas que compõem projetos sociais, na galeria popular dos Remédios, localizada na rua Miranda Leão, no Centro, zona Sul da cidade.

A iniciativa executada pela Divisão de Gestão de Benefícios Assistenciais e Eventuais (DGBAE), por meio do Programa de Acesso à Cidadania e o Projeto Passaporte para a Inclusão Social, tem como objetivo prevenir situações de vulnerabilidades sociais por meio de desenvolvimento de potencialidades e inclusão de serviços socioassistenciais tipificados.

“O foco não é apenas proporcionar uma qualificação profissional, mas, desenvolver e acompanhar todo o processo. A assistência que prestamos ao orientar essas pessoas tem o intuito de promover cidadania e elevar a qualidade do ensino formal, garantindo que, ao final do curso, estejam plenamente capacitados e autônomos para buscar seus direitos por intermédio do mercado de trabalho”, destacou a chefe da DGBAE, Sulamita Castro.

Katiuscia Ferreguetti, chefe do Departamento de Qualificação da Semtepi, enfatizou que a capacitação profissional é importante para conseguir a inserção no mercado de trabalho, devido à demanda crescente de mão de obra qualificada.

“Com um mercado de trabalho vasto e dinâmico, a necessidade de trabalhadores qualificados cresce continuamente. Por meio desses programas e projetos socioassistenciais é possível alinhar as competências dos candidatos, facilitando sua inserção e promovendo o desenvolvimento, com isso, diminuindo as exigências ao se integrarem no mercado”, ressaltou.

O professor Rodrigo Loureiro reforçou que o  treinamento foi aplicado com base no construtivismo, utilizando dinâmicas e programação neurolinguística para consolidar o conhecimento na mente dos participantes.

“Nosso trabalho envolve ferramentas específicas na área de programação neurolinguística, garantindo que o aprendizado seja efetivado e que os participantes consigam internalizar e aplicar os conhecimentos adquiridos de maneira prática e eficiente”, frisou.

A estudante Riane Rezende, de 37 anos, agradeceu a oportunidade de participar da qualificação profissional e se mostrou ansiosa com o aprendizado. “Minha expectativa com essa busca por conhecimento e qualificação profissional é de ingressar de vez no mercado de trabalho, com isso, agregar essas oportunidades com o crescimento profissional que busco na minha vida”, finalizou.

Foto – Guilherme Pacheco/Semasc

Post Relacionado

Prefeitura de Manaus e governo do Amazonas assinam ordem de serviço do complexo viário ‘Rei Pelé’, na bola do Produtor

victoria Farias

Prefeitura disponibiliza emissão Certidão Negativa de Débito de Multa de Trânsito

victoria Farias

Prefeito de Manaus e governador do Amazonas visitam nova frente de obras do ‘Asfalta Manaus’

Patrick