Blitz Amazônico
Educação

Educadores participam de formação do programa ‘Amazonas+Alfabetizado’

Professores, pedagogos e diretores escolares da rede estadual de ensino participaram, nesta terça-feira (07/05), de um encontro formativo atendendo uma das propostas do programa “Amazonas + Alfabetizado”, da Secretaria de Estado de Educação e Desporto Escolar”. A atividade foi realizada pelo Centro de Formação Profissional Padre José Anchieta (Cepan), em parceria com a Universidade do Estado do Amazonas (UEA) e a Universidade Federal do Amazonas (Ufam). 

Durante o encontro foram apresentadas metodologias para o ensino da escrita alfabética e alfabetização matemática, com foco em docentes do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental. O programa ‘Amazonas + Alfabetizado’ está alinhado à política de alfabetização estabelecida pelo Governo federal. 

De acordo com a secretária de Estado de Educação, Arlete Mendonça, a formação tem por objetivo melhorar o processo de letramento dos alunos em anos iniciais da educação básica, abrangendo toda a rede pública de ensino.

“A Secretaria de Educação estabelece toda essa diretriz, essa regulamentação, para que este programa, nos seus eixos estruturantes, sejam, não somente viabilizados para a rede estadual, mas também para todos os municípios. E nisso, nós teremos a formação continuada, trazendo para todos a formação que venha subsidiá-los a trabalhar esse processo de alfabetização dos estudantes’, explicou a secretária.

Professora doutora em Língua Portuguesa, da Ufam, Raiolanda de Camargo, uma das formadoras convidadas, destacou as atividades abordadas durante a formação.

“A gente trouxe para essa aula inúmeras possibilidades didáticas de ensinar as letras do alfabeto, de trabalhar habilidades importantes para a leitura e a escrita, como consciência fonológica, consciência fonêmica. Essa foi a proposta”, afirmou a professora. 

Já o professor doutor em Matemática da UEA, José Alcântara Filho, apresentou métodos para facilitar e auxiliar os educadores para o ensino da disciplina para este público. 

“Na Matemática, a criança, para ser alfabetizada, tem que compreender todos os elementos que são trabalhados desde os anos iniciais. Então, o intuito dessa formação é justamente facilitar e auxiliar os docentes no seu processo”, disse o professor.

Formação

A formação foi transmitida para todos os municípios do estado por meio do Centro de Mídias de Educação do Amazonas (Cemeam). Além das escolas da rede estadual, participaram das aulas equipes pedagógicas de escolas municipais do interior, resultado de uma parceria entre a Secretaria de Educação e a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime). 

Além da atividade desta terça-feira, serão realizados outros dois encontros formativos durante os meses de maio e junho, também via Cemeam, com carga horária de 2h30 cada. O processo formativo visa alcançar 17.396 professores, gestores e pedagogos em todo o Amazonas.

A partir do segundo semestre, está prevista a continuidade da formação, com carga horária de 96 horas, sendo 64h presenciais e 32h na modalidade de Educação à Distância (EaD). O programa contará com 930 multiplicadores, pedagogos que serão enviados ao interior para dar suporte às equipes pedagógicas. 

“Vamos ensinar ao professor como trabalhar todo o processo de alfabetização, todas as etapas, tanto em português como em matemática”, destacou a diretora do Cepan, Regina Ortiz Rocha.

FOTOS: Euzivaldo Queiroz/Secretaria de Estado de Educação e Desporto Escolar

Post Relacionado

Cmei Onias Bento da Prefeitura de Manaus ganha sala de recurso que beneficiará 15 alunos com deficiência

victoria Farias

Prefeitura de Manaus premia alunos dos grêmios estudantis da Semed

blitzamazonico

Inscrições para cursos de qualificação profissional do Cetam seguem até sexta-feira

EDI FARIAS