Blitz Amazônico
Esporte

Destaques do esporte amazonense comemoram apoio do Governo do Amazonas

Jennifer Queiroz, 14, que pratica wrestling, é uma das 131 pessoas, entre atletas e paratletas, contempladas pelo Bolsa Esporte Estadual, programa do Governo do Amazonas, coordenado pela Secretaria de Estado do Desporto e Lazer (Sedel), que tem como principal objetivo incentivar os esportistas amazonenses com destaques em grandes competições. 

Com o Bolsa Esporte Estadual, Jennifer consegue se manter totalmente focada nos treinos. Com uma rotina intensa, ela foi medalha de prata na categoria estilo livre, até 39 quilos, na Gymnasia de 2023, que aconteceu de 19 a 27 de agosto, no Rio de Janeiro.

A lutadora integrante da delegação amazonense sonha em alcançar pódios maiores daqui para a frente. “Foi uma ajuda imensa. Com o suporte do Bolsa Atleta, a gente consegue ter uma renda a mais para ajudar com os suplementos, com as viagens e até mesmo em casa. Foi uma ajuda muito necessária”, disse a atleta.

O secretário da Sedel, Jorge Oliveira, pontuou sobre o papel do Governo para incentivar os novos talentos a se destacarem cada vez mais em competições nacionais e internacionais.

“O Governo do Amazonas, por meio da Sedel, tem trabalhado de uma forma muito forte no esporte, não só de base, mas no alto rendimento e também no olímpico paraolímpico. O esporte é a maior ferramenta de inclusão social do país, pois inclui a nível local e internacional”, destacou o secretário da Sedel, Jorge Oliveira.

Bolsa Esporte Estadual

Em 2023, o Bolsa Esporte Estadual, patrocínio oferecido pelo Governo do Amazonas, por meio da Sedel, contemplou 131 atletas e paratletas, divididos nas categorias de base, alto rendimento e olímpico/paraolímpico. Ao todo, o programa abrangeu mais de 30 modalidades desportistas na capital e 7 no interior, sendo 86 homens e 44 mulheres.

Aos atletas e paratletas de categoria de base, o valor da bolsa corresponde a R$ 400 mensais. Para atletas e paratletas de alto rendimento, que disputam competições nacionais e internacionais, o valor é de R$ 1 mil mensais. Já para os atletas e paratletas de categoria olímpica/paraolímpica, a bolsa é de R$ 3 mil mensais.

FOTOS: Roberto Carlos/Secom

Post Relacionado

FAFs realiza finais dos estaduais Sub-9 e Sub-13 neste domingo (02/07), no ginásio do Rio Negro

blitzamazonico

Piloto amazonense realiza preparação no kartódromo do Vila Olímpica para GP de Mil Milhas

EDI FARIAS

Estádio Ismael Benigno recebe jogos da 3ª rodada do Barezão

EDI FARIAS