Blitz Amazônico
Polícia

PC-AM prende membro de grupo criminoso por dois homicídios ocorridos em Manaus

A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), com apoio da Força Integrada de Combate ao Crime Organizado (FICCO) do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), prendeu na segunda-feira (1º/07) Bruno Nunes Brito, 26 anos, pela morte do agente de segurança Victor da Costa Lopes, 24 anos, e de Vaner Bulcão da Silva, 35 anos. Os crimes ocorreram em 11 de novembro de 2023 nos bairros Tarumã e Centro, zonas oeste e sul da capital.

Em coletiva de imprensa, a delegada Marília Campello, adjunta da DEHS, destacou que esta foi mais uma ação bem-sucedida da unidade especializada, com o apoio dos agentes da FICCO, resultando na prisão de Bruno Nunes Brito, integrante de um grupo criminoso na cidade, responsável pelas mortes de Victor e Vaner. O autor agiu friamente nos dois crimes.

“Ele primeiro matou Victor na casa da vítima, na frente de sua esposa, no bairro Tarumã. O criminoso ainda levou pertences da residência, incluindo uma motocicleta usada para se deslocar até o bairro Centro, onde matou Vaner”, explicou a delegada.

Conforme a autoridade policial, provavelmente a motivação da morte de Victor está relacionada ao fato de o agente de segurança ter encontrado uma arma de fogo enterrada no quintal de sua casa em agosto de 2023 e entregá-la às autoridades policiais, visto que não há notícias de envolvimento da vítima com atividades ilícitas. A arma pertencia ao grupo criminoso ao qual Bruno pertence. Quanto à morte de Vaner, a motivação está ligada ao envolvimento deste com o tráfico de drogas.

As outras pessoas envolvidas na morte de Victor já foram identificadas pela Polícia Civil. No entanto, o caso segue sob investigação.

O delegado Jonathas Simas de Lima, coordenador da FICCO, relatou que a captura do indivíduo foi resultado da investigação da DEHS, utilizando técnicas especiais de investigação da Força Integrada.

“A equipe identificou onde o autor estava escondido, fez o acompanhamento por algum tempo e conseguiu capturá-lo no município de Presidente Figueiredo (a 117 quilômetros de Manaus)”, afirmou o delegado.

Bruno Nunes Brito responderá por homicídio qualificado e ficará à disposição da Justiça.

FOTOS:  Jean Palheta/PC-AM.

Post Relacionado

Em alusão ao Mês da Mulher, Polícia Civil do Amazonas destaca a atuação do Núcleo de Combate ao Feminicídio

EDI FARIAS

Homem mata namorado em hotel no Centro de Manaus por não querer fazer sexo

Redação

Em Japurá, Polícia Civil prende em flagrante homem em posse de drogas, munições e cartuchos

Patrick