Blitz Amazônico
PolíciaPolícia

Esposa de pastor que “incorporava anjos” para abusar de fiéis é presa

A esposa do pastor Vanderlei de Oliveira, Maria de Lurdes dos Santos Oliveira, se entregou à Polícia Civil de Goiás (PCGO) nesta segunda-feira (23). O casal é suspeito de abusar sexualmente de fiéis de uma igreja de Anápolis, a cerca de 55 km da capital goiana.

Segundo duas vítimas, o pastor alegava estar “incorporando um anjo” em “campanhas espirituais” para abusar de fiéis e que, caso negassem o assédio, teriam consequências. O caso é investigado pela Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam) de Anápolis.

O homem foi preso na última sexta-feira (20/10). A Polícia Civil informou que, até o momento, nove vítimas foram ouvidas, entre homens e mulheres.

Maria de Lurdes é apontada como cúmplice do marido nos crimes. Ela estava foragida da polícia, mas decidiu se entregar.

Crimes
A Polícia Civil informou que o pastor buscava vítimas que estivessem passando por algum problema emocional ou, até mesmo, estavam doentes para, a partir deste momento, iniciar uma “campanha de oração”. Dessa forma, a pessoa passaria a participar de uma série de sessões de oração, onde Vanderlei estaria com o anjo “incorporado”.

Nesses encontros, o “anjo” dizia que poderia ajudar a vítima a resolver os seus problemas, desde que ela aceitasse cumprir algumas medidas determinadas por ele. Para a polícia, era nessa hora que o pastor cometia os abusos.

As vítimas pediram medidas protetivas de urgência contra o pastor, mas o juiz negou. O magistrado alegou que os crimes não foram praticados no âmbito doméstico, e elas não tinham vínculo anterior com Vanderlei.

*Metrópoles

Post Relacionado

Polícia Civil do Amazonas prende homem por tentativa de homicídio ocorrida em 2003

EDI FARIAS

Em 24 horas, 21 pessoas são presas no Amazonas por diversos crimes

EDI FARIAS

‘Caso Camila’ completa um mês e família cobra Justiça pelo crime em Manaus

blitzamazonico